TIA SURICA

Tia Surica, Iranette Ferreira Barcellos, nasceu em Madureira, no dia 17 de novembro de 1940. Quando ainda tinha 4 anos, desfilava na Portela, presa à cintura da mãe, Judith companhada de perto pelo pai, Pio.

Surica, apelido dado pela sua avó, é um adjetivo usado para roupa curta, por encolhimento. Quem conhece Iranette sabe que o apelido lhe cai como uma luva. O que falta em altura,sobra, em talento e alegria. Em 1966, foi puxadora do samba-enredo "Memórias de um Sargento de Milícias", de autoria de Paulinho da Viola, ao lado de Maninho e Catoni.

Em 1980, entrou para a Velha Guarda da Portela, a convite de Manacéa.

Tia Surica permanece fiel ao bairro onde nasceu. Ela mora em uma Vila, bem próxima ao Portelão. Sua casa, conhecida como "Cafofo da Surica".

Aos 63 anos,Tia Surica lança, seu primeiro Cd cujo repertório reúne a elite de compositores da Portela como Monarco, Chico Santana, Aniceto, Casquinha, Manacéa, entre outros.