Na Sapucaí! Orlando Morais e Gloria Pires serão pais de Clara Nunes na Portela

 

Por Redação

Manuel e Amélia, pais da cantora Clara Nunes, serão representados no desfile da Portela, na Segunda-Feira de Carnaval, pelos apaixonados portelenses Orlando de Morais e Glória Pires. Juntos há 31 anos, os dois têm três filhos na vida real (Ana, Antônia, Bento — Glória ainda é mãe da atriz Cleo Pires) e sempre que podem aproveitam o tempo livre e a época da folia para demonstrar a torcida pela azul e branco dos bairros de Oswaldo Cruz e Madureira, na Zona Norte do Rio.

O músico e a atriz estão viajando de férias por alguns estados do Nordeste e voltam ao território carioca no final de janeiro, quando vão visitar o barracão da escola na Cidade do Samba, na Zona Portuária, e conhecer mais detalhes sobre a participação no desfile. Eles terão papel de destaque numa das alegorias criadas pela carnavalesca Rosa Magalhães que vai ilustrar o enredo ‘Na Madureira moderníssima, hei sempre de ouvir cantar uma Sabiá’, uma homenagem à Clara Nunes, um dos maiores ícones da história da chamada “Majestade do Samba”.

Família humilde do interior de Minas Gerais

A principal figura do enredo saiu de cena deixando eternas saudades em 1983, após ter vivido como a caçula de uma família humilde em meio a outros seis irmãos. Os pais, Manuel Pereira de Araújo e Amélia Gonçalves Nunes, morreram cedo, antes de a pequena Clara completar 10 anos. Manuel era marceneiro e foi atropelado, enquanto a mãe da cantora teve depressão e morreu vítima de câncer. Órfã, a artista foi criada por dois de seus irmãos.

Apesar do contato breve com o pai, Clara herdou dele uma das características das quais mais se valeu durante a carreira: o gosto pela música. Manuel era violeiro e utilizava o talento para embalar as festanças da Folia de Reis.

Fonte.:  www.sambarazzo.com.br