Inscrições para Projeto por Telas são prorrogadas até o dia 11 de maio

 

Quer uma boa notícia? Se você ainda não garantiu seu lugar nas oficinas de audiovisual Por Telas, que serão realizadas na quadra da Portela, aproveite que as inscrições para as 30 vagas foram prorrogadas até o dia 11 de maio. Após ler o edital completo e imprimir o formulário, o interessado deverá entregar os documentos solicitados na sala do Departamento de Projetos Sociais e Cidadania da Portela, na quadra da escola (Rua Clara Nunes 81, Madureira), de segunda a sexta-feira, das 18h às 20h.


Clique e confira o edital completo: http://bit.do/editalportelas

Clique e imprima a ficha de inscrição: bit.do/fichainscricaoportelas

Podem participar moradores maiores de 18 anos dos bairros de Madureira, Oswaldo Cruz, Bento Ribeiro, Marechal Hermes, Rocha Miranda, Honório Gurgel, Cascadura, Campinho e Vaz Lobo, além de pessoas que tenham participação direta nas atividades da Portela, mediante declaração emitida pelo Departamento de Projetos Sociais e Cidadania.

Idealizado pela produtora cultural Cecília Rabello, filha de Paulinho da Viola, Por Telas é um projeto gratuito de inclusão através do audiovisual, que tem como ponto de partida o cinema como transformador social. O objetivo principal é dar voz aos jovens e adultos de comunidades, além de resgatar a cidadania, contribuindo efetivamente na construção de cidadãos. 

"Acredito que o cinema é uma excelente ferramenta para isto. Inclusão social, conhecimento e cidadania são os pilares mais importantes deste projeto. Mais uma vez a Portela me dá a oportunidade de construir uma linda história. Iniciaremos a primeira oficina de formação audiovisual da história de uma escola de samba", exalta Cecília. 

Coordenadas pelo premiado cineasta paraibano André da Costa Pinto, os alunos terão aulas de roteiro, direção, produção, fotografia, som, montagem, direção de arte e direitos autorais, ministradas por profissionais do mercado. A partir das 30 histórias produzidas pelos alunos com tema livre, cinco serão selecionadas, transformadas em filmes e lançadas na 2º edição do evento "A Noite Veste Azul", programada para julho.

Posteriormente, essas obras serão exibidas em festivais de cinema com produções nacionais e internacionais, possibilitando intercâmbio cultural. "Quero transformar esse jovem de maneira profissional e oferecer conhecimento, para que ele descubra um novo caminho", explica André, que começou a fazer cinema aos 16 anos, no interior da Paraíba.

Serviço:

Oficina audiovisual Por Telas

Inscrições até 11 de maio, de segunda a sexta-feira, das 18h às 20h, na quadra da Portela

Endereço: Rua Clara Nunes 81, Madureira

Candidatos precisam ter a partir de 18 anos

Inscrição e aulas gratuitas


Crédito da foto: Divulgação

Fonte.:  www.gresportela.com.br